Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

ARTIGO: Expointer da retomada e do otimismo

Publicação:

Artigo da secretária
Artigo da secretária
Por Silvana Covatti

A Expointer é a maior vitrine da agropecuária gaúcha. Ela difunde conhecimento e novas tecnologias, divulga o trabalho de excelência dos produtores rurais e empresas, aproxima o campo e a cidade, nos serve de inspiração. É com alegria e com muita responsabilidade que confirmamos a realização da feira deste ano, de 4 a 12 de setembro, na versão digital e com atividades presenciais, com público controlado.

Por trás deste anúncio há um imenso desafio. Nos propomos a fazer um evento que representará a retomada econômica do Estado. Ao mesmo tempo, iremos ser rigorosos na vigilância e nos cuidados com a saúde e a segurança das pessoas que frequentarão o Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.

O desafio está dado, e vamos novamente nos reinventar, como fizemos em 2020 com a Expointer Digital. Diante dos protocolos sanitários que serão estabelecidos pela Secretaria Estadual da Saúde e do avanço da vacinação contra a Covid-19 (toda a população adulta gaúcha estará imunizada com a primeira dose da vacina até 20 de setembro), temos muitos motivos para acreditar que a Expointer de 2021 refletirá o ano de comemorações que vive nossa agropecuária, depois de uma safra recorde de grãos no verão, de projeções muito positivas para o ciclo de inverno e da recente conquista da certificação internacional do Rio Grande do Sul como zona livre da febre aftosa sem vacinação.

Junto às entidades copromotoras Febrac, Farsul, Fetag, prefeitura de Esteio, Sistema Ocergs-Seescoop/RS e Simers, faremos uma Expointer focada em negócios, em inovação, em educação sanitária. A feira dará às agroindústrias da agricultura familiar a oportunidade de alavancar a comercialização dos seus produtos, manterá a tradição dos julgamentos de animais, oportunizará ao setor de máquinas o contato direto com os compradores, fará com que todos possam voltar a vivenciar um ambiente de troca de informações, de aprendizado e de otimismo. E, quem sabe, ao final de mais uma edição, a Expointer possa ser usada novamente como exemplo de pioneirismo mundo afora.

Silvana Covatti
Secretária da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul

Expointer